Liminar que suspendia demissões de professores é derrubada pela Estácio

Nesta segunda-feira (11), a Estácio derrubou a liminar que suspendia o desligamento de professores do grupo, na Justiça do Rio de Janeiro.

A Justiça do Trabalho do Rio de Janeiro havia suspendido as demissões, sendo a favor do Sindicato dos Professores do Município na última quinta-feira (7). A Estácio recorreu e foi atendida pelo desembargador José Geraldo da Fonseca.

Entenda o caso

O colunista Lauro Jardim anunciou que dos 10 mil professores da rede Estácio, 1.200 serão demitidos para retornar em janeiro conforme a nova CLT.

De acordo com o colunista, a administração da Estácio justifica a mudança internamente sob o argumento de que os salários estavam acima dos praticados pelo mercado.

Conforme as regras trabalhistas, o ato está fora da lei. Até dezembro de 2020, funcionários demitidos não podem ser recontratados pela mesma empresa sob contrato intermitente por um período de ao menos 18 meses.

Leia mais Notícias em ocuboblog.com e nos sigam nas redes sociais: Facebook, Twitter e Instagram. Colabore com mais informações nos enviando através do telefone e whatsapp (98) 98406-2064

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s