CDH diz que combate ao trabalho escravo sofreu ‘retrocesso histórico’

A Comissão de Direitos Humanos (CDH) relatou, nesta quinta-feira (14), que o governo brasileiro promoveu “um retrocesso histórico” no combate ao trabalho escravo em 2017.

De acordo com o relator, senador Paulo Rocha (PT-PA), o Poder Executivo “restringiu os meios para efetivar a fiscalização” realizada pelo Grupo Especial de Fiscalização Móvel (GEFM), criado em 1995.

Fiscalização

A CDH aprovou uma recomendação para que as políticas de combate ao trabalho escravo continuem sendo acompanhada pela comissão, em 2018.

Leia mais Notícias em ocuboblog.com e nos sigam nas redes sociais: Facebook, Twitter e Instagram. Colabore com mais informações nos enviando através do telefone e whatsapp (98) 98506-2064

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s