Bolsonaro demite Ministro Marcelo Álvaro, pivô dos laranjas do PSL

Nesta quarta-feira (9), o presidente do Brasil, Jair Bolsonaro, demitiu o Ministro do Turismo, Marcelo Álvaro Antônio (PSL). O Governo Federal ainda não revelou os motivos que levaram a demissão de Marcelo Álvaro.

Com a chegada das disputas dos cargos de presidentes no Congresso, o cargo de Ministro do Turismo estava no alvo da reforma ministerial. O Governo Federal quer emplacar nomes no comando das duas casas legislativas a partir de fevereiro de 2021.

Aparentemente, a demissão de Marcelo Álvarodo faz parte do desfecho de uma intriga entre o ex-ministro com o Ministro-chefe da Secretaria de Governo, o general Luiz Eduardo Ramos. Marcelo Álvarodo não concordava com Ramos que quer abrir espaço na Esplanada para aliados, especialmente do Centrão, que venham a somar votos na eleição da Câmara.

Dentro do Governo Bolsonaro, o único critério de demissão é somente se discordar do Governo Federal. Ainda em outubro, o ex-ministro foi denunciado pelo Ministério Público Eleitoral de Minas Gerais por envolvimento em esquema de desvio de recursos e ainda foi indiciado pelo Polícia Federal por uso de candidaturas laranjas, todos em 2018. Porém, se manteve dentro do Governo de Bolsonaro.

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: