Carlos Eduardo Pereira é expulso da PM por matar ex-companheira

Após um ano da morte de Bruna Lícia Fonseca Pereira, de 23 anos, pelo seu ex-companheiro Carlos Eduardo Pereira, a Polícia Militar do Maranhão resolveu expulsar da corporação, conforme o Diário Oficial do Estado.

Carlos Eduardo é acusado de matar a tiro Bruna Lícia, após um ataque de ciúme quando viu sua ex-companheira acompanhado com outro. Os dois não tinham mais relação amorosa.

O ex-polícia alega que atirou em legitima defesa, porém as investigação da Polícia afirmou ao G1 Maranhão em janeiro, que Bruna Lícia chegou a pedir para o Carlos Eduardo não matar José Willian, encontrado dentro do Condomínio Pacífico I, onde o casal morava.

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: