Novo dono da Difusora já foi preso pela PF na Operação Lava Jato

Willer Tomaz é o advogado envolvido na delação da JBS, cuja atuação levou à anulação do acordo de colaboração premiada.

Neste domingo (19), foi noticiado que a TV Difusora, que pertencia a Família Lobão, foi vendida definitivamente ao Advogado Willer Tomas e ao jornalista Wrias Moura. Willer Tomaz já é conhecido pelos noticiários maranhenses quando foi preso em 2017 em São Luís pela Polícia Federal durante a Operação Lava Jato.

Anúncios

Na época, a operação apontava que o advogado Willer Tomaz teria se comunicado o procurador da República, Ângelo Goulart Villela, para que ele interferisse na Operação Greenfield, que investiga irregularidades nos fundos de pensão Funcef, Petros, Previ e Postalis – e de atrapalhar o processo de negociação do acordo de colaboração premiada do empresário Joesley Batista, um dos do sócios da holding J&F, dona do frigorífico JBS. O advogado foi solto 03 meses depois.

Willer Tomaz é bem conhecido no mundo político, tendo ligação com o Senador maranhense Weverton Rocha e com o filho do presidente da República, Flávio Bolsonaro (Patriota-RJ), e também é defensor do presidente da Câmara dos Deputados, Arthur Lira (Progressistas-AL).

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: