Cabelo Degradê Masculino: conheça um pouco mais do corte que virou febre e como fazer sua manutenção

O corte de cabelo degradê, bem rente à pele na altura da nuca e que depois vai ficando mais cheio, no topo da cabeça, já é considerado um novo clássico entre os homens. Democrático, o estilo também conhecido como “fade hair” pode ser usado tanto por quem trabalha no universo mais tradicional, corporativo, quanto por homens que querem ousar no street style.

Anúncios

Modelos para cada gosto

O tipo ‘fade clássico’ é um bom exemplo de versatilidade do corte degradê. Seu início é bem raspado, porém, no topo da cabeça, existe mais volume e até uma franja, que pode ser usada para trás ou na lateral. 

Já para quem é mais formal, uma ótima opção é o ‘low fade’. Nele, a nuca não fica tão marcada e o degradê é quase imperceptível. O corte é um dos favoritos entre homens de profissões que exigem um dresscode mais alinhado, como o terno e a gravata.

Para os que querem ousar um pouco mais, existem os cortes ‘mid’ e ‘high fade’. Neles, o degradê começa mais alto, na orelha (mid) e acima dela (high). 

Já o ‘taper fade’ é o modelo ideal para quem gosta de encarar um estilo street. Sua transição entre raspado e cabelo cheio é bem mais extrema, passando da pele para os fios mais volumosos, e geométricos, abruptamente. Cantores e skatistas costumam adotar bastante esse estilo.

Muito comum entre os homens que gostam de aderir a um visual mais rústico, que também ficou conhecido como “lenhador urbano e moderno”, está o ‘moicano com degradê’. O comprimento em questão também pode ser mais comedido, transformando-se assim no ‘fring fade’, ou, em tradução literal, degradê com franja.

Já os jogadores de futebol são apaixonados pelo degradê médio, com certo volume no topo da cabeça, e uma ou mais riscas nas laterais. Um ótimo exemplo de quem adora o estilo? O craque Cristiano Ronaldo. 

Anúncios

Cuidados

O corte degradê, em todas as suas variações, é uma das opções mais populares nos dias atuais. Indo do homem mais clássico ao mais ousado, precisa de uma manutenção assertiva, entretanto. 

Para manter o corte, o ideal é uma nova ida ao salão ou barbeiro, no máximo, a cada 30 dias; uma vez que com o crescimento dos fios, que pode chegar a dois dedos e meio por mês, o acabamento gradualmente desaparece.

Para manter a saúde das mechas, use sempre um xampu específico para o seu tipo de cabelo. Para estilizá-lo, invista em pomadas, géis e sprays. 

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: