Anajatuba recebe 25º econúcleo inaugurado pela gestão Alberto Bastos, em pouco mais de dois anos

Intensificado nos últimos dois anos, o processo de expansão da Defensoria Pública do Estado (DPE/MA) chegou a um importante marco nesta sexta-feira (27), com a entrega do 25º econúcleo da instituição, à população do município de Anajatuba. Serão mais de 27 mil pessoas que passarão a contar com uma unidade da Defensoria, que virou modelo na gestão Alberto Bastos, por ter custo menor, oferecer menos impacto ao meio ambiente e ainda contribuir com as políticas de ressocialização de internos do sistema penitenciário maranhense.

Anúncios

Agora a Defensoria está presente em 61 comarcas, beneficiando um total de 133 municípios, considerando os termos judiciários. Segundo Bastos, o projeto dos econúcleos foi a estratégia encontrada pela gestão para ampliar o acesso a direitos no Maranhão, obedecendo comando institucional que determina a instalação de unidades da Defensoria em todas as comarcas brasileiras até 2024.

A unidade de Anajatuba utilizou método construtivo baseado no sistema modular de construção civil, solução cerca de 60% mais barata que obra de alvenaria com as mesmas características, que se destaca pela autossuficiência em energia elétrica, por ser dotada de painéis solares. Outro diferencial do projeto é a utilização de mão de obra prisional, uma vez que grande parte da mobília dos econúcleos são fabricadas por pessoas privadas de liberdade.

Anúncios

“Economicidade, sustentabilidade e alcance social. Este será o legado que pretendemos deixar na Defensoria maranhense, que muito avançou nos últimos anos. E mais uma vez faço questão de agradecer a todos as pessoas e instituições que contribuíram com esse momento, em especial ao governador Carlos Brandão e todos os demais representantes do Executivo, Legislativo e Judiciário, que muito nos apoiaram”, ressaltou Bastos, fazendo referência, em Anajatuba, ao prefeito Hélder Aragão, pela doação do terreno do econúcleo, e ao deputado federal Gil Cutrim, autor do maior número de emendas parlamentares em favor do fortalecimento da Defensoria estadual.          

Este é um dos últimos compromissos do defensor-geral Alberto Bastos no comando da instituição, depois de quatros anos de mandato. Na agenda do gestor, ainda constam as entregas dos econúcleos de Coroatá e de Barreirinhas, nos dias 30 e 31 próximos. “É com imensa satisfação que vejo o quanto nos agigantamos em favor da transformação social no Maranhão”, enfatizou.  

Anúncios

Representando o governador do Maranhão, a secretária estadual de Meio Ambiente, Raysa Queiroz, ressaltou o compromisso, a capacidade técnica e de gestão do defensor-geral Alberto Bastos, que nos últimos quatro anos fez muito mais, com menos. “Por isso, hoje estamos aqui, em Anajatuba, reconhecendo esse importante trabalho de fortalecimento da justiça no estado, com a preocupação de garantir o desenvolvimento não só econômico da região, mas também o social e o ambiental. Não à toa que o nosso governador Carlos Brandão é um grande entusiasta desse projeto”, assinalou.    

A tônica do pronunciamento do prefeito Helder Aragão foi de agradecimento. “Hoje é um dia histórico para o município de Anajatuba, início de uma nova fase de acesso a direitos aos mais humildes. E sinto-me honrado por comandar essa administração, quando temos a honra de colocar em operação a última peça que estava faltando para a engrenagem da justiça funcionar plenamente na nossa cidade”, declarou.

Anúncios

Para o defensor público Vinicius Brandão, que assumiu a atuação na comarca, a chegada da Defensoria em Anajatuba representa um grande passo na busca pela efetivação e promoção de direitos naquela região. “E sabemos que isso não se faz sozinho, por isso nos colocamos à disposição dos órgãos e de toda a rede para a celebração de parcerias pelo desenvolvimento de Anajatuba”, destacou.

A solenidade de inauguração do econúcleo de Anajatuba foi acompanhada por diversas autoridades municipais e estaduais, dentre elas o prefeito de Itapecuru, Sebastião Coroba, os deputados estaduais Glalbert Cutrim e Ana do Gás, a ouvidora-geral da DPE/MA, Fabíola Diniz, além de vereadores, secretários municipais e representantes da sociedade civil. Todos enalteceram a relevância da inauguração para o desenvolvimento daquele município, distante cerca de 144 km de São Luís, bem como ressaltaram os avanços promovidos pelo defensor-geral durante os seus quatro anos de mandato.  

Anúncios

Instalada na Rua Magalhães de Almeida, s/n, no Centro de Anajatuba, a nova unidade tem 91 metros quadrados de área construída, distribuídos em uma recepção de 18 lugares, salas para a defensora pública, estagiários, além de outro espaço para conciliação e administração; área técnica, bem como copa e área de serviço, banheiros masculino, feminino e outro adaptado a atender às necessidades de pessoas com deficiência (PCD).

Leia mais notícias em ocuboblog.com e nos sigam nas redes sociais: Facebook, Twitter, Telegram, Instagram e Tiktok. Colabore com mais informações nos enviando através do telefone e whatsapp/telegram (98) 98506-2064 ou pelo e-mail ocuboblog@gmail.com

Ou mande qualquer quantia pelo PIX para ocuboblog@gmail.com

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s