Sem dinheiro, trabalhador antecipa salário para pagar dívida, escola e comida

Adiantar parte do salário do mês seguinte tem sido saída para para quitar dívidas e pagar contas

Anúncios

Num contexto de custo de vida alto, inflação descontrolada, desemprego e empobrecimento da população, com salários desvalorizados, um contingente cada vez maior de trabalhadores recorre à antecipação salarial para conseguir pagar as contas.

Segundo reportagem do jornal O Globo, o brasileiro já antecipa até 40% do salário, o que significa dizer que o orçamento do mês precisaria ser ao menos 40% maior para dar conta das despesas.

De acordo com a reportagem, a antecipação tem sido saída de muitas famílias para quitar dívidas com custo maior, pagar despesas emergenciais e gastos do mês como comida e escola dos filhos.

Anúncios

Crescimento de 200%

“Em geral, o serviço passa a ser oferecido a partir de pedidos dos próprios funcionários, que buscam uma forma de conseguir recursos para situações emergenciais de forma mais barata. Para muitos, a modalidade virou uma saída para chegar ao fim do mês”, diz o jornal.

Segundo o jornal, na fintech Creditas, empresa que oferece o serviço, no primeiro semestre de 2002 as solicitações de antecipação foram 200% maiores do que no mesmo período de 2021. Com base em pesquisa com os usuários, a empresa identificou que 63% dos trabalhadores com carteira assinada estão com ao menos 50% da renda comprometida com dívidas.

Renegociação

Anúncios

O ex-presidente Lula tem se manifestado com frequência sobre o contexto de custo de vida alto e endividamento da população brasileira. Em diferentes situações, ele já declarou ser necessário estimular a renegociação de dívidas, assim como aponta a redução da inflação, o combate à fome e a criação de empregos como soluções para melhoria da qualidade de vida da população.

Em entrevista recente, ele disse ser preciso reduzir juros e estimular a renegociação das dívidas, retirando os penduricalhos. “É preciso reduzir a política de juros e é preciso resolver o problema da dívida de 70 milhões de famílias brasileiras que estão endividadas nos cartões, algumas porque estão utilizando o cartão para comprar comida. Tem muitos penduricalhos nessa dívida. Então, é preciso afastar esses penduricalhos, para que a pessoa fique apenas com o principal”, declarou.

Anúncios

Nas diretrizes do plano de governo do movimento Vamos Juntos pelo Brasil, da chapa Lula-Alckmin, o endividamento e o desalento das famílias como consequência do processo de destruição do Brasil, que trouxe ainda fome, desemprego e inflação.

A diretriz 60 trata especificamente do tema e fala em renegociação das dívidas. “Vamos promover a renegociação das dívidas das famílias e das pequenas e médias empresas por meio dos bancos públicos e incentivos aos bancos privados para oferecer condições adequadas de negociação com os devedores”. A diretriz fala ainda em avanço na regulação e incentivo para ampliar oferta e reduzir o custo do crédito, ampliando a concorrência do sistema bancário.

Leia mais notícias em ocuboblog.com e nos sigam nas redes sociais: Facebook, Twitter, Telegram, Instagram e Tiktok. Colabore com mais informações nos enviando através do telefone e whatsapp/telegram (98) 98506-2064 ou pelo e-mail ocuboblog@gmail.com

Ou mande qualquer quantia pelo PIX para ocuboblog@gmail.com

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: