Dia Nacional da Saúde e a busca pela longevidade

Especialista destaca que para envelhecer de forma saudável é importante buscar a medicina preventiva antes mesmo dos 40 anos

Anúncios

Nesta sexta-feira, 05 de agosto, comemora-se o Dia Nacional da Saúde. Data para reforçar a importância da medicina preventiva como aliada à longevidade. Com o aumento significativo da expectativa de vida do brasileiro nos últimos anos (de 72,8 anos para os homens e de 79,9 para as mulheres – IBGE 2018), aumentou também a preocupação com o envelhecimento saudável. A primeira dúvida que surge quando se fala sobre envelhecer é como prevenir doenças degenerativas associadas ao aumento da idade e quando começar a se cuidar. De acordo com a geriatra e especialista em medicina integrativa e ortomolecular, Márcia Umbelino, quanto mais cedo o indivíduo inicia cuidados como alimentação saudável, suplementação e prática de hábitos saudáveis, mais chances essa pessoa terá de manter-se saudável mesmo com o avançar da idade.

O conceito de medicina preventiva surgiu no século 20 para alterar a prática médica, que antes tinha como foco apenas tratar as doenças. A especialidade tem como objetivo evitar o desenvolvimento de patologias, assim como reduzir os impactos de problemas na saúde dos pacientes e oferecer melhor qualidade de vida para aqueles que estão realizando algum tipo de procedimento terapêutico.

Anúncios

Por esses motivos, é fundamental investir na prevenção e no acompanhamento da saúde desde a juventude, o que permite a descoberta e o tratamento de certos riscos. A medicina preventiva pode, portanto, cuidar de todos os integrantes da família, do mais jovem ao adulto.

Márcia Umbelino ressalta que a especialidade da geriatria é a mais adequada para esse fim e que a procura por um médico geriatra deve ocorrer bem antes dos primeiros sinais de envelhecimento, geralmente antes dos 40 anos. “Precisamos desmistificar a geriatria. Não somos SOMENTE médicos de idosos. A geriatria é uma especialidade que tem como foco a qualidade de vida como um todo. Isso inclui não só os aspectos físicos da saúde, como também emocionais e psíquicos”, explica a médica.

A médica destaca que cuidar da saúde de forma preventiva, e não apenas paliativa, é uma das principais vantagens de se realizar o acompanhamento com o médico geriatra o quanto antes. “Ele cuida o corpo de forma completa, e não apenas de algumas partes, como acontece com as demais especialidades. Mas pouco podemos fazer em casos avançados de doenças degenerativas como Parkinson e Alzheimer por exemplo. Mas é possível prevenir que elas apareçam, mesmo em casos de pessoas com marcadores genéticos”, diz Umbelino.

Anúncios

Doenças que mais matam podem ser evitadas

De acordo com o Ministério da Saúde, dentre as 10 doenças que mais matam os brasileiros, as cinco mais fatais podem ser evitadas com medidas relativamente simples de prevenção. São elas: 

1- Doenças Cardiovasculares – causam mais de 340 mil mortes por ano no Brasil.

2- Câncer – mata mais de 200 mil pessoas por ano. Dentre os cânceres que mais matam a população estão o câncer de pulmão, câncer intestinal, câncer de mama, câncer de estômago e câncer de pele. Na grande maioria dos casos, há a possibilidade de cura ou prevenção com a adoção de hábitos de vida saudáveis e exames preventivos anuais.

3- Pneumonia e outras doenças respiratórias – matam cerca de 139 mil doenças por ano e podem ser evitadas com suplementação para melhorar a imunidade e outros tratamentos de controle ou prevenção.

Anúncios

4- Diabetes e outras doenças metabólicas – cerca de 74 mil pessoas morrem por ano em decorrência desse tipo de doença, sendo o diabetes responsável por 78% dos casos. Dentre os 2 tipos de diabetes, o tipo 1, considerado uma doença auto-imune, há a possibilidade de controle e manutenção da qualidade de vida. O do tipo 2, desenvolvido por um estilo de vida pouco saudável, pode (e deve) ser evitado.

Soroterapia como prevenção

Segundo a geriatra Márcia Umbelino, é preciso destacar que, muitas vezes, somente uma alimentação saudável pode não dar conta de produzir todas as vitaminas necessárias para manter corpo e mente equilibrados. Além disso, a absorção das vitaminas administradas por via oral nem sempre é total e elas precisam ser repostas. A médica explica como a soroterapia, uma terapia inovadora e que tem revolucionado o mercado de saúde recentemente, pode ser uma aliada tanto nos tratamentos de doenças crônicas e degenerativas, quanto na prevenção.

Anúncios

“É um tratamento que faz a diferença no que diz respeito à prevenção. Esta técnica que consiste em injetar substâncias diretamente na veia do paciente pode evitar o consumo de até 10 cápsulas por dia. O diferencial é que vitaminas e minerais não têm sua absorção diminuída pelo fígado e o estômago”, comenta Umbelino.

Dentre os resultados das soroterapias mais buscados quando o assunto é longevidade, a médica destaca: pele mais viçosa, melhora da imunidade, aumento da energia, combate à insônias e mal-humor. No Brasil, esse procedimento exige um diagnóstico prévio e acompanhamento médico. Somente ambientes de clínicas regularmente conveniadas aos órgãos de saúde podem realizar as terapias injetáveis e é exigido por lei a presença de um profissional médico, devidamente registrado, acompanhando o paciente. 

Leia mais notícias em ocuboblog.com e nos sigam nas redes sociais: Facebook, Twitter, Telegram, Instagram e Tiktok. Colabore com mais informações nos enviando através do telefone e whatsapp/telegram (98) 98506-2064 ou pelo e-mail ocuboblog@gmail.com

Ou mande qualquer quantia pelo PIX para ocuboblog@gmail.com

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: