São Luís recebe edição 2022 do “Festival internacional de Compositoras Sonora”; shows serão nesta quinta e sexta, no Centro Histórico

Entre as atrações, estão as cantoras Andréa Frazão, Didã, Klicia, Luma Pietra, entre outras.

Anúncios

Um dos festivais mais aguardados do ano marca novamente presença na capital maranhense. Nos próximos dias 8 e 9 de dezembro, a Ilha do Amor terá mais uma edição especial do “Festival internacional de Compositoras Sonora São Luís”, que mostrará ao público maranhense os talentos e vozes maravilhosas das multiartistas que encantam todo o Brasil.

A nova edição será no Solar Cultural Maria Firmina dos Reis, na Rua Rio Branco, no Centro Histórico de São Luís, a partir das 17h, com atrações selecionadas a partir do edital Sonora, com curadoria feita pelas artistas Deh Mussulini, Camila Reis e Luciana Simões.

Anúncios

Na programação dos shows, se apresentam: no dia 8 (quinta-feira), as cantoras Cris Campos Sereia, Geoh Nolasco, Klicia e Andréa Frazão; já no dia 9 (sexta-feira), sobem ao palco a dupla Priscila Carvalho e Angelica Melo, seguida pelas cantoras Nicole Santos, Didã e Luma Pietra.

Os ingressos para a programação do Festival Internacional de Compositoras Sonora São Luís já estão à venda e podem ser adquiridos no Instagram do festival @sonoraslz (https://www.instagram.com/sonoraslz/) por R$ 10,00 (por dia). Mais informações pelo telefone (98 988650810 – Valda Lino).

Para mais informações sobre o festival e suas edições em todo o país, acesse: https://www.instagram.com/sonorafestivalinternacional/.

Anúncios

Sonora – Festival Internacional de Compositoras

Considerada uma rede internacional de festivais, o “Festival internacional de Compositoras Sonora” foi criado no Brasil com o objetivo principal de mostrar e incentivar a força da mulher compositora – o projeto surgiu a partir da hashtag #mulherescriando, iniciativa da musicista Deh Mussulini para romper o imaginário de que existem poucas compositoras.

Em São Luís, o Sonora ocorre desde 2016 – sendo o primeiro palco autoral para diversas compositoras da nova geração da música maranhense. O Sonora visa a criação de um lugar de divulgação e exposição das potencialidades individuais das autoras, como também um espaço de reflexão coletiva e formação que promova o debate sobre o espaço da mulher no mercado fonográfico atual e o encontro de compositoras das várias vertentes e gêneros, indo da MPB à música instrumental, do indie ao samba, entre outros estilos.

Anúncios

O ano de 2022 marca o retorno do “Festival internacional de Compositoras Sonora” em formato presencial por todo o Brasil. Nos anos anteriores, o festival alcançou dezenas de cidades brasileiras e territórios internacionais: 21 cidades e 6 países em 2016; 40 cidades e 8 países em 2017; e 74 cidades e 16 países em 2018.

Curadoria do Sonora São Luís 2022

Para a edição 2022 do Sonora em São Luís, foi montada uma equipe de artistas nacionais renomadas para avaliar as compositoras inscritas no evento.

Entre as curadoras, está a compositora, violonista e cantora belo-horizontina, Deh Muss, que idealizou e trabalha em diversos projetos feministas na música, como: o Coletivo ANA, com quem lançou disco em 2014; criou a hashtag #mulherescriando que culminou no Coletivo Mulheres Criando, que ganhou o Prêmio Profissionais da Música 2018; o Sonora Festival Internacional de Compositoras, da qual é diretora geral e idealizadora e conquistou o Prêmio Profissionais da Música 2021; além de ser uma das apresentadoras da Coletiva “Coluna Lugar de Mulher”.

Anúncios

Também compondo a curadoria estão as maranhenses Camila Reis e Luciana Simões. Camila Reis é artista popular que se expressa principalmente na música e na literatura, participa de diversas manifestações da cultura popular maranhense e faz parte do grupo Laborarte. Em 2018, lançou o álbum “Preta Velha”, é autora de três livros e segue produzindo com lançamento de singles, apresentações de shows e produção de eventos.

Já Luciana Simões é artista na banda Criolina, ativista cultural e criadora e gestora do festival BR 135, que é realizado em São Luís há 8 anos, sempre ocupando com arte o Centro da capital maranhense. Co-criadora de ferramentas de pressão política como Observatório da Cultura do Maranhão e da Liga da Cultura, foi curadora do Prêmio Natura 2018 e do Porto Musical 2020.

Leia mais notícias em ocuboblog.com e nos sigam nas redes sociais: Facebook, Twitter, Telegram, Instagram e Tiktok. Colabore com mais informações nos enviando através do telefone e whatsapp/telegram (98) 98506-2064 ou pelo e-mail ocuboblog@gmail.com

Ou mande qualquer quantia pelo PIX para ocuboblog@gmail.com

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s