Arquivo da tag: férias

Viagem de férias sem o meu pet: o que devo fazer?

Marivaldo da Silva Oliveira (*)

Anúncios

Um momento que aterroriza muitos tutores de pets são os planejamentos para viagens de férias. Se você decidiu que o melhor para o seu pet é não viajar, independentemente do motivo, é essencial que o bem-estar, a sanidade e as condições comportamentais dele sejam respeitadas. Nesse sentido, o objetivo deste texto é transmitir algumas experiências de quem é médico veterinário, tutor e que convive com as mesmas preocupações.

Creio que seja importante ressaltar que a condição sanitária do seu animal deve ser prioridade, portanto mantenha a carteirinha de vacinação e vermifugação sempre em dia. Mas lembre-se, somente vacinas e vermífugos em dia não é sinônimo de garantia de bem-estar. Então, vejamos outros pontos importantes para não cometer erros com seu melhor amigo.

O lugar em que seu pet irá ficar definirá o sucesso ou fracasso do seu planejamento. Se você costumeiramente já deixa seu animal na casa de amigos, familiares ou em hospedagens de pets em que ele já está habituado, tanto com o espaço quanto com possíveis outros animais, isso facilitará muito, pois já existe uma memória e seu pet considera também aquele local e pessoas como se fizessem parte do seu convívio normal.

Anúncios

O que não se recomenda é, um dia antes de sair em viagem, você levar seu pet para uma creche ou hotel e deixá-lo lá. Isso provocará mudanças comportamentais perturbadoras no animal, tanto pelo sentimento de distanciamento de você (Síndrome de Ansiedade de Separação) quanto pelo contato com local, pessoas e animais diferentes. Alguns animais são mais sociáveis, porém comportamento não é matemática e cada qual se expressa à sua forma. Um cão, macho, não castrado, por exemplo, devido ao comportamento de espécie irá brigar pela liderança do grupo e isso pode gerar ferimentos graves, tanto no seu quanto em outros pets.

Por isso, a indicação nos casos em que você queira deixar seu pet num hotel ou creche é que isso seja feito gradualmente e com antecedência. Pelo menos um mês antes da data de sua viagem, leve seu pet para o local escolhido e inicie a socialização. Pode ser que ele já se adapte facilmente, mas pode ocorrer de ele não gostar do local, dos animais ou das pessoas e, então, você precisará levar para outra opção de local. Logo, deve-se iniciar o processo com antecedência.

Anúncios

Animais que são muito apegados aos tutores, geralmente aqueles que dormem junto na mesma cama e que sentem necessidade de estarem “grudados” com o tutor o dia todo, acabam demorando um pouco mais a se adaptar. Se esse é o seu caso, já fica aqui uma dica sobre humanização de pets. Leia a respeito, informe-se. Às vezes atitudes e condutas normais para você podem não ser benéficas para seu pet. Os animais possuem um comportamento próprio e este deve ser respeitado. Tudo em excesso traz malefícios.

Todos esses cuidados são necessários para que suas férias não sejam interferidas por algum problema e, tampouco, seus animais passem por situações de diminuição de bem-estar, intoxicações e acidentes que podem ser evitados com um planejamento bem-feito.

Anúncios

Ofertar bem-estar aos animais é dever do tutor. Tutoria responsável envolve organização e planejamento. Aproveitem e boas festas!

*Marivaldo da Silva Oliveira é médico veterinário, doutorando em Biociência Animal e coordenador do curso de bacharelado em Medicina Veterinária da Escola Superior de Saúde, Biociências, Meio Ambiente e Humanidades do Centro Universitário Internacional Uninter.

Leia mais notícias em ocuboblog.com e nos sigam nas redes sociais: Facebook, Twitter, Telegram, Instagram e Tiktok. Colabore com mais informações nos enviando através do telefone e whatsapp/telegram (98) 98506-2064 ou pelo e-mail ocuboblog@gmail.com

Ou mande qualquer quantia pelo PIX para ocuboblog@gmail.com

Férias: Saiba o funcionamento das casas de cultura em janeiro

O mês de janeiro é período de férias para algumas pessoas, mas mesmo para quem não está de folga e tem um tempo livre para passear, dá para aproveitar visitando ou revisitando os museus de São Luís, espaços culturais ou as Casas de Cultura. Pensando nisso, montamos um roteiro desses espaços que são geridos pela Secretaria de Estado da Cultura (Secma) com dias, horários e as regras para visitação. 

Anúncios

Para algumas casas é necessário agendamento e os protocolos sanitários contra a Covid-19 continuam. Ou seja, a visitação a qualquer equipamento cultural deve ser feita com o uso de máscaras e o cumprimento do distanciamento social.

“Infelizmente a pandemia continua e temos agora um novo cenário com a variante ômicron. Com o maior número de vacinados e cuidados contínuos, acreditamos que é possível garantir o acesso aos bens culturais do Maranhão de forma segura para todos”, avalia o secretário de Estado da Cultura, Anderson Lindoso.   

Na recepção das Casas de Cultura há a oferta de álcool em gel ao público. Agende uma visita e divirta-se. 

Anúncios

PROGRAMAÇÃO POR CASA DE CULTURA:

Arquivo Público do Estado do Maranhão
De segunda a sexta-feira, das 8 às 17h

Biblioteca Pública Benedito Leite
De segunda a sexta-feira, das 8h30 às 19h 
1h de duração

Biblioteca do Museu Histórico e Artístico do Maranhão

Segunda e quarta-feira, das 14h às 18h
Público: 5 pessoas por visitação

Cafua das Mercês
De terça à quinta-feira, das 14h às 18h
De sexta-feira a domingo, das 9h às 18h 

Anúncios

Casa de Cultura Josué Montello
De segunda a sexta-feira, das 13h às 18h
Público: Até 8 pessoas por visitação
30 minutos de duração
Agendamento para escolas ou grupos fechados: (98) 981943185 (whatsapp)

Casa do Maranhão
De terça-feira a sábado, das 9h às 12h; domingo, das 9h às 13h30

Casa do Tambor
De terça-feira a sábado, das 9h às 18h; domingo, das 9h às 13h
Público: 5 pessoas por visitação

Centro de Cultura Popular Domingos Vieira Filho
De segunda a sexta-feira, das 9h às 17h30

Centro de Pesquisa Natural e Arqueologia
De segunda a sexta-feira, das 8 às 12h e 14h às 18h; sábado, das 14h às 18h

Anúncios

Convento das Mercês
Segunda, das 14h às 17h; terça a sexta-feira, das 8h às 17h

Forte Santo Antônio
De terça-feira a sábado, das 10h às 18h
Público: 5 pessoas por visitação
30 a 40 minutos de duração

Museu do Reggae
De terça-feira a sábado, das 13h às 18h; domingo, das 10h às 13h
Público: 10 pessoas por visitação
15 a 20 minutos de duração

Museu de Arte Sacra
De terça-feira a sexta-feira, das 9h às 17h; sábado, das 9h às 17h30
Público: 10 pessoas por visitação
Agendamento para escolas e grupos fechados: (98) 984513952 (whatsapp)

Anúncios

Museu de Artes Visuais
De terça-feira a domingo, das 14h às 18h
Público: 7 pessoas por visitação
30 minutos de duração

Praça dos Poetas
Todos os dias, das 8h às 21h

Prédio Anexo do Museu Casa da Fésta
De segunda a sexta-feira, das 9h às 17h30
Público: 5 pessoas por visitação
20 a 30 minutos de duração

REFFSA
Horário: De terça-feira a domingo, de 9h às 18h

Teatro Arthur Azevedo
Horário: Terça-feira a sábado, das 14h às 18h

Anúncios

EM OUTRAS CIDADES:

Casa do Divino de  Alcântara

Horário: De terça-feira a domingo, das 9h às 13h

Museu Histórico de Alcântara
De terça-feira a domingo, das 9h às 13h
Público: 10 pessoas por visitação
20 minutos de duração
Agendamento à tarde

Casa do Mordomo Régio de Alcântara
De terça-feira a sábado, das 9h às 12h

Casa do Engenho de Pindaré
De terça-feira a sábado das 16h às 20h

Memorial João do Vale
De terça-feira a domingo, das 14h às 18h
Público: 10 pessoas por visitação
20 minutos de duração

Fechada temporiamente:
Museu Histórico e Artístico do Maranhão
Casa de Nhozinho 
Capela Bom Jesus
Museu do Choro

Leia mais notícias em ocuboblog.com e nos sigam nas redes sociais: Facebook, Twitter, Telegram, Instagram e Tiktok. Colabore com mais informações nos enviando através do telefone e whatsapp/telegram (98) 98506-2064 ou pelo e-mail ocuboblog@gmail.com

Ou mande qualquer quantia pelo PIX para ocuboblog@gmail.com

Deputados estaduais têm 58 dias de férias

De acordo com “O Imparcial”, os deputados estaduais do Maranhão terão 58 dias de férias, ao ano. Um parlamentar praticamente tem dois períodos de férias em 12 meses.

Neste ano, os deputados estaduais começaram suas atividades oficialmente em 1° de fevereiro, sendo que a primeira sessão ocorreria no dia seguinte (2), mas a primeira sessão foi realizada no dia 5 de fevereiro.

Entre os dias 18 e 31 de julho, entraram em recesso parlamentar, tiveram 14 dias de férias, a primeira pausa do ano, retornando somente no dia 1° de agosto. Dia 22 de dezembro começou mais um recesso parlamentar, sendo que a próxima sessão ocorrerá somente no início de fevereiro do ano que vem. Os deputados irão ter mais de 44 dias de férias.

No total, somando o recesso de julho, são 58 dias de férias, esses números representam os 12 meses entre fevereiro de 2017 e fevereiro de 2018.

Leia mais Notícias em ocuboblog.com e nos sigam nas redes sociais: Facebook, Twitter e Instagram. Colabore com mais informações nos enviando através do telefone e whatsapp (98) 98506-2064