Arquivo da tag: Geek’s ao cubo

Netflix | Novidades de outubro

Todos os meses a Netflix renova seu catálogo e em outubro não será diferente. O próximo mês vem recheado de novidade para todos os gostos e estreias que, com certeza, farão a diferença na sua sessão de cinema em casa.

  • 02 de outubro

Para Sempre Chape – Documentário e Especial

  • 03 de outubro

Operação Final – Filme

  • 04 de outubro

Violet Evergarden: Especial: Episódio Extra – Série

Diário De Horrores – Kids

  • 05 de outubro

Elite – Série

Dancing Queen – Série

Mais Uma Chance – Filme

Big Mouth (2ª temporada) – Série

Super Monstros – Especial Dehalloween – Kids

  • 10 de outubro

22 De Julho – Filme

  • 11 de outubro

Riverdale (2ª temporada) – Série

Sal, Gordura, Acidez E Calor – Documentário e Especial

  • 12 de outubro

A Maldição Da Residência Hill – Série

A Bizarra Confeitaria De Christine Mcconnell – Série

Apóstolo – Filme

Errementari: O Ferreiro E O Diabo – Filme

Remastered: Who Shot The Sheriff – Documentário e Especial

O Chefinho – De Volta Aos Negócios (2ª temporada) – Kids

Tarzan E Jane (2ª temporada) – Kids

  • 13 de outubro

Dinastia (2ª temporada) – Série

  • 15 de outubro

Goosebumps: Monstros E Arrepios – Filme

A Travessia – Filme

  • 16 de outubro

Raio Negro (2ª temporada) – Série

  • 19 de outubro

Marvel – Demolidor (3ª temporada) – Série

Vendo Ou Alugo – Filme

Making A Murderer (Parte 2) – Documentário e Especial

  • 21 de outubro

Robozuna – Kids

  • 23 de outubro

Adam Sandler 100% Fresh – Documentário e Especial

  • 25 de outubro

Suits (8ª temporada) – Série

  • 26 de outubro

O Mundo Sombrio De Sabrina – Série

Castlevania (2ª temporada) – Série

No Ritmo Da Sedução – Filme

  • 27 de outubro

Hairspray Live! – Filme

  • 31 de outubro

Rock Em Cabul – Filme

Séries infantis

  • 21 de outubro de 2018: Robozuna – Kids

DC Universe | A Série Animada do Batman será remasterizada

A série animada do “Batman: A Série Animada”, conforme com o perfil oficial do DC Universe, será remasterizada pela primeira vez em HD.

Os detalhes da remasterização ainda não foram divulgados. Batman: A Série Animada, foi inicialmente exibido entre 1992 e 1995, e foi o primeiro seriado do Universo Animado da DC Comics.

A DC Universe será o serviço de streming da DC Comics, onde será uma loja com produtos exclusivos e fóruns para fãs da DC.

O lançamento da fase beta do DC Universe acontecerá em agosto nos Estados Unidos, com versão final chegando ainda em 2018. Não há previsão de chegada do serviço de streaming ao Brasil.


Leia mais Notícias em ocuboblog.com e nos sigam nas redes sociais: Facebook, Twitter e Instagram. Colabore com mais informações nos enviando através do telefone e whatsapp (98) 98506-2064

Para O Cubo crescer, vamos precisar da sua ajuda. Seja patrão do blog dando um pequeno patrocínio.

https://www.catarse.me/ocubo?ref=project_link


Digite seu e-mail para assinar as notificações deste site

Junte-se a 1.389 outros assinantes

Programação do Cine Praia Grande – dias 7 a 11 de julho

O Cine Praia Grande localizado na Ladeira do Comércio, no Centro Histórico, divulgou a programação do que acontecerá entre os dias 7 a 11 de maio. Destaque para o filme A FORMA DA ÁGUA, de Guillermo Del Toro, que ganhou o Oscar de Melhor Filme e Melhor Diretor.

Os ingressos de segunda a sábado são de R$ 16,00 (inteira) e R$ 8,00 (meia), sendo que às segunda-feiras há meia para todos. No domingo, os ingressos são de R$ 12,00 (inteira) e R$ 6,00 (meia).

Programação:

  • Ciclo TIM BURTON

Sábado, 7 de julho
18h00: EDWARD MÃOS DE TESOURA (Romance, 10 anos, Legendado)

Domingo, 8 de julho
17h00: A NOIVA CADÁVER (Animação, Livre, Dublado)
18h30: O ESTRANHO MUNDO DE JACK (Animação, Livre, Legendado)

Segunda, 9 de julho
18h00: BATMAN: O RETORNO (Ação, 10 anos, Legendado)

Terça, 10 de julho
18h00: ED WOOD (Drama, 12 anos, Legendado)

Quarta, 11 de julho
18h00: MARTE ATACA (Ficção Científica, 12 anos, Legendado)

▸ 15h17: TREM PARA PARIS, de Clint Eastwood
Drama, EUA, 94 min, 14 anos
O novo filme de Clint Eastwood.
Sessões
20h00

▸ A FORMA DA ÁGUA, de Guillermo Del Toro
Romance Fantasy, EUA, 124 min, 16 anos
O vencedor do Oscar de Melhor Fime e Melhor Diretor de 2018.
Sessões
16h00 (de segunda à quarta)

▸ Sessão CineClassics
O IMPÉRIO DOS SENTIDOS, de Nagisa Oshima
Entrada não permitida para menores de 18 anos.
Sessão única:
Sábado, às 16h00.

▸ Sessão Infantil
A NOIVA CADÁVER, de Tim Burton
Sessão única
Domingo, às 17h00 (versão dublada)


Leia mais Notícias em ocuboblog.com e nos sigam nas redes sociais: Facebook, Twitter e Instagram. Colabore com mais informações nos enviando através do telefone e whatsapp (98) 98506-2064

Para O Cubo crescer, vamos precisar da sua ajuda. Seja patrão do blog dando um pequeno patrocínio.

https://www.catarse.me/ocubo?ref=project_link


Digite seu e-mail para assinar as notificações deste site

Junte-se a 1.389 outros assinantes

Netflix | Novidades da semana – dia 09 a 15 de julho

Todos os meses a Netflix renova seu catálogo e em julho não será diferente. O próximo mês vem recheado de novidade para todos os gostos e estreias que, com certeza, farão a diferença na sua sessão de cinema em casa.

  • 10 de julho 

Bates Motel (5ª temporada) – Série

Bates Motel (5ª temporada) - Série
Imagem de divulgação

A quinta temporada e última de Bates Motel estreou em 20 de fevereiro de 2017. Foi confirmado ainda em 2016 como encerramento do série. Foi a que recebeu melhor crítica.

Uma Repórter Em Apuros – Filme

Uma Repórter Em Apuros - Filme
Imagem de divulgação

A jornalista Kim Baker decide largar o relativo conforto de uma mesa na redação e a mesmice de um relacionamento sério. Ela aceita passar três meses como correspondente no Afeganistão, um país devastado pela guerra. Logo após chegar, Kim percebe que não está emocionalmente preparada para os perigos da guerra, mas acaba ficando mais tempo do que o planejado. Apesar dos desafios que enfrenta em uma sociedade que menospreza as mulheres, Kim usa isso para conseguir algumas vantagens.

  • 13 de julho 

Archer (9ª temporada) – Série

Archer (9ª temporada) - Série.jpg

O elegante e sofisticado Archer pode ter os melhores dispositivos, mas não deixa de enfrentar problemas com sua chefe, que também é sua mãe.

Sugar Rush – Série

Sugar Rush - Série.jpg

Sugar Rush é um seriado produzido por Shine Limited e transmitido por Channel 4, baseado num livro de Julie Burchill que tem o mesmo nome que mostra a vida de Kim Daniels, uma adolescente lésbica, que na primeira temporada se muda de Londres para Brighton.

Próxima Parada: Apocalipse – Filme

Próxima Parada Apocalipse - Filme.jpg

Em um misterioso cenário apocalíptico, um homem tenta atravessar o país em uma jornada de alto risco para reencontrar a namorada grávida.

As Épicas Aventuras do Capitão Cueca – Kids

As Épicas Aventuras do Capitão Cueca - Kids.png

Com um problema atrás do outro, a solução para esta dupla megabagunceira é transformar o intratável diretor da escola no Capitão Cueca.

  • 14 de julho 

Vizinhos 2 – Filme

Vizinhos 2 - Filme.jpg

Quando Mac e Kelly decidem vender a casa e mudar-se para o subúrbio, uma fraternidade nova e barulhenta chega à vizinhança. Para trazer a paz de volta, eles convocam sua arma secreta: Teddy.

Warcraft – O Primeiro Encontro De Dois Mundos – Filme

Warcraft – O Primeiro Encontro De Dois Mundos - Filme

Em busca de uma nova terra para viver, os guerreiros Orc atravessam um portal e chegam até Azeroth, uma região pacífica que vira um campo de batalha pela sobrevivência de dois povos.

  • 15 de julho 

Bordertown – Série

Bordertown - Série

Do criador de Family Guy, Mark Hentemann, vem Bordertown, uma nova comédia de animação sobre duas famílias que vivem em uma cidade do deserto do sudoeste dos EUA – fronteira com o México. A série tem um olhar satírico sobre as mudanças culturais que ocorrem na América, onde o Censo dos EUA prevê que até 2017, as minorias étnicas se tornarão maioria. Situado contra esse pano de fundo cada vez mais diversificado, a comédia explora relações familiares, política e tudo o mais, com um toque cultural.


Leia mais Notícias em ocuboblog.com e nos sigam nas redes sociais: Facebook, Twitter e Instagram. Colabore com mais informações nos enviando através do telefone e whatsapp (98) 98506-2064

Para O Cubo crescer, vamos precisar da sua ajuda. Seja patrão do blog dando um pequeno patrocínio.

https://www.catarse.me/ocubo?ref=project_link


Digite seu e-mail para assinar as notificações deste site

Junte-se a 1.389 outros assinantes

DC Comics| Infográfico dos personagens mais rápidos

Uma das grandes duvidas do universo DC é quem seria mais rápido. Com vários personagens com a habilidade de ter super velocidade, é muito difícil saber quem é mais rápido. A DC divulgou um infográfico feito pelo escrito Josh Williamson onde mostra o resultado de uma corrida hipotética entre todos os personagens DC Comics.

Com arte de Scott Kolins e Luis Guerrero, o infográfico mostra em qual ordem os heróis terminariam a corrida. Josh Williamson ainda incluiu comentários, justificando cada colocação da corrida.

Veja o imagem:

dc velocistas
Arte de Scott Kolins e Luis Guerrero, roteiro de Josh Williamson/Foto: DC Comics

10º – Kid Flash

“Wallace ainda é jovem e está aprendendo a controlar seus poderes – sua presunção é um pouco mais rápida que ele. Uma vez que ele pega a manha de sua habilidades, ele tem o potencial para ser o mais rápido, mas isso vai exigir algum tempo e experiência.”

9º – Shazam

“Ele recebeu a velocidade de Hermes e pode correr tão rápido quanto raios, mas nem mesmo a rapidez do protetor da Pedra da Eternidade pode lhe dar uma vantagem em cima desses velocistas.”

8º – Godspeed

“Quando August conseguiu seus poderes, ele talvez fosse mais veloz que Barry Allen, mas Barry e Wallace pegaram de volta a velocidade que ele roubou deles. Agora, que seus poderes estão mais em jogo, Godspeed precisa ter redenção para que um dia alcance sua verdadeira velocidade.”

7º – Mulher-Maravilha

“Diana é a maior guerreira do Universo DC. Ela foi treinada pelas Amazonas. Ela entende o mecanismo de correr melhor do que ninguém dessa lista, o que lhe dá uma vantagem na competição.”

6º – Mulher-Leopardo

“Ela tem zero hesitação em seus movimentos e uma mentalidade ‘sem misericórdia’, o que a ajuda a se manter focada em seu objetivo – uma morte rápida. Seu impulso implacável faz dela uma das ameaças mais rápidas do Universo DC.”

5º – Flash Negro

“Não é apenas uma questão de velocidade com o Flash Negro. É que você nunca pode escapar dele; a morte sempre está vindo. Isso é parte da velocidade do Flash Negro. Ele sempre está lá quando você menos espera. Herói, vilão, deus, humano – o Flash Negro sempre vai te pegar.”

4º – Superman

“O Homem de Aço é inigualável quando estão voando no ar, sendo capaz de chegar e salvar o dia em um piscar de olhos. Mas uma vez que ele coloca os dois pés em solo, ele não pode alcançar o Top 3.”

3º – Flash Reverso

“Ele é um dos mais cruéis e obsessivos personagens do Universo DC, motivado apenas por seu desespero de se tornar seu herói de infância, o Flash. É esse desespero que acaba o desacelerando. Ele nunca pode se deixar ser mais rápido do que a pessoa que ele deseja ser.”

2º – Barry Allen

“O que foi engraçado [de trabalhar com o Jim] foi que ele criou algo. Todo mundo amou. Nós aprovamos e, então, ele seguiu desenvolvendo isso. Em apenas anos, ele era esse talento massivo. Ele está constantemente desenhando e eu o admiro tanto há tanto anos, e isso só cresceu dez vezes desde que cheguei aqui.”

Ok, ele não falou exatamente do Flash… mas Barry está em segundo lugar.

1º – Wally West

“Wally entende o lado espiritual da Força de Aceleração, e com essa compreensão, ele confia na Força de Aceleração. Mesmo que ele talvez não entenda toda a ciência por trás disso, sua fé faz com que entre em toda a amplitude da Força de Aceleração. Ele não corre através da Força de Aceleração. A Força de Aceleração corre através dele.”


Leia mais Notícias em ocuboblog.com e nos sigam nas redes sociais: Facebook, Twitter e Instagram. Colabore com mais informações nos enviando através do telefone e whatsapp (98) 98506-2064

Para O Cubo crescer, vamos precisar da sua ajuda. Seja patrão do blog dando um pequeno patrocínio.

https://www.catarse.me/ocubo?ref=project_link


Digite seu e-mail para assinar as notificações deste site

Junte-se a 1.389 outros assinantes

Lições do feminismo ‘geek’

O guia de Kameron Hurley para não baixar a guarda diante do ciberataque machista

Kameron Hurley, escritora de ficção científica vencedora de dois prêmios Hugo, indicada a um Arthur C. Clarke, um Nebula e um Locus por uma produção que não deixa de crescer e se expandir, que abandonou a ficção e se sentou diante do espelho para contar como chegou até aqui e quais batalhas ainda é preciso travar – ela conta isso no livro The Geek Feminist Revolution (a revolução feminista geek) –, está fazendo uma pausa na agência de publicidade onde trabalha, em Dayton, Ohio. Sobre a mesa há uma Coca-Cola Zero, um ventilador e fones de ouvido. Se estivesse em casa, talvez estivesse jogando um videogame on-line e aguentando a infinidade de comentários de homens que lhe diriam em quais coisas poderia utilizar melhor o seu tempo. Em qualquer caso, Kameron não ficaria calada. Responderia. Porque, diz, “há uma revolução em andamento” – que inclui acabar, de uma vez por todas, com “a aguda nostalgia”, sentida “quase sempre por homens brancos”, daqueles “dias em que se considerava que eles eram o único público das obras pulp e dos videogames”. Em outras palavras, que só eles tinham direito de ser geeks (pessoas fascinadas pela tecnologia e a informática).

A escritora Kameron Hurley.
A escritora Kameron Hurley.

Já tentaram calar Hurley, que vê Duro de Matar duas vezes por ano – “tem um dos melhores roteiros já escritos” e “mostra justamente um cara tentando deixar claro que, embora sua mulher ganhe mais, ele continua sendo um ‘machão'”. “Embora tenham aumentado as oportunidades para as mulheres nos espaços geek, a rejeição também aumentou. As campanhas de ódio distanciaram algumas mulheres da rede e de um mundo que consideravam seu. Porque, gostem disso ou não, as mulheres também sempre foram geeks. Têm sido gamers e escritoras, leitoras de revistinhas e fãs de coisas como Conan, o Bárbaro e Jornada nas Estrelas. A única coisa que esses caras estão tentando fazer é defender seu relato do que se supõe que deve ser o mundo. Manter o status quo de uma situação que os beneficia”, diz Hurley, que incentiva toda mulher – e todo homem que se sinta ofendido pelas maneiras impositivas dessa parte do mundo que acha que o mundo é seu – a não se calar. A responder. Porque nesse terreno “não se ganha ou se perde de uma vez. Cada uma dessas pequenas batalhas importa. O que devemos fazer é persistir. Só persistindo o inimigo perceberá que o mundo mudou enquanto ele se dedicava a tentar evitar isso.”

Fã da fantasia sombria – “tentei ler Terry Pratchett na adolescência, mas não combinava comigo; sempre preferi Angela Carter” – e defensora da ideia de que não só é preciso talento para escrever, mas também, e muito, “trabalho duro”, Hurley lança seus dardos contra o núcleo duro do fandom. “Se não gostam que a gente mexa em suas coisas, é porque acham elas que são isso, ‘suas’. Mas não puderam impedir que a gente cresça e queira escrever e que nossos livros agradem. Não puderam impedir que fosse Leigh Brackett, uma mulher, a autora de O Império Contra-Ataca, considerado por muitos fãs o melhor filme da saga Star Wars. Tentam silenciar isso, mas não adianta. Quanto mais eu pesquiso, mais vejo a maneira como as mulheres foram apagadas da História. Ou simplesmente silenciadas. Mas isso já não vai acontecer de novo. Há mulheres como Anita Sarkeesian – que disseca questões de gênero nos videogames, diversas vezes ameaçada de morte por gamers – e Mikki Kendall, mulheres como eu mesma, que não vão se calar. A Revolução Feminista Geek, o livro, é, nesse sentido, ao mesmo tempo mistura de história pessoal – sobre como foi difícil para ela chegar aonde está e como sua situação ainda é precária, apesar do sucesso – e profunda e beligerante reflexão pop. Seus ataques vão para obras emblemáticas dos últimos tempos, como a série True Detective, em que as mulheres “nunca são pessoas”, só “obstáculos ou prêmios” – sobre o mundo de hoje.

Embora tenham aumentado as oportunidades para as mulheres nos espaços geek, a rejeição também aumentou. As campanhas de ódio distanciaram algumas mulheres da rede e de um mundo que consideravam seu

O livro artefato, um autêntico festim feminista que decididamente pode ser desfrutado, rebate essa visão única da ficção que tem muito a ver com o que pensamos quando ouvimos a palavra herói. “Em que pensamos? Num arquétipo. Um sujeito, músculos, branco, machão. Quando comecei a ler e consumir cultura pop, não entendia por que todos eram homens, por que nenhum podia ser mulher, e tampouco por que as mulheres eram obstáculos ou prêmios na trama”, diz Hurley. Como criaturas que vivemos “das histórias que contamos”, porque “disso todos estamos feitos, de histórias”, a melhor, a única maneira, de lutar contra o que não gostamos do mundo é “desafiar as expectativas” e fazer isso, também, através da ficção, pois a ficção “é o único antídoto”.

Fonte: El País


Leia mais Notícias em ocuboblog.com e nos sigam nas redes sociais: Facebook, Twitter e Instagram. Colabore com mais informações nos enviando através do telefone e whatsapp (98) 98506-2064

Para O Cubo crescer, vamos precisar da sua ajuda. Seja patrão do blog dando um pequeno patrocínio.

https://www.catarse.me/ocubo?ref=project_link


Digite seu e-mail para assinar as notificações deste site

Junte-se a 1.389 outros assinantes

Netflix anuncia fim das avaliações feitas pelos usuários

Se você acessa a Netflix do computador, provavelmente já deve ter trombado com a seção “Opiniões de assinantes” presente na aba “Detalhes” de cada título presente no catálogo do serviço de streaming. Esse recurso, porém, será descontinuado pela Netflix e já tem data para acabar: 30 de julho de 2018.

A empresa começou a enviar emails para os seus assinantes que já contribuíram com opiniões informando sobre a alteração e justificou a queda no uso desse sistema de avaliações para o seu encerramento.

netflix-03092352456707

“Você contribuiu com uma opinião sua na Netflix no último ano. Gostaríamos de informar que esse recurso será descontinuado em 30 de julho devido à queda no uso”, diz a mensagem enviada pela Netflix aos assinantes.

Apesar da justificativa, há quem critique a Netflix e garanta que a própria empresa teria levado as coisas a esse caminho, a começar pela substituição do sistema de avaliação e recomendação por estrelas para um novo método que utiliza porcentagens e positivo/negativo para indicar conteúdos e verificar o interesse do usuário, respectivamente.

De qualquer maneira, as avaliações podem ser escritas até o dia 30 de julho deste ano.

Fonte: TecMundo

Marvel | Demolidor poderá aparecer no filme de Viúva Negra

Em uma recente entrevista, o presidente da Marvel Studios, Kevin Feige, foi questionado sobre o filme da heroína e sobre uma possível aparição do Demolidor, porém como esperado, Feige preferiu ser evasivo em suas respostas.

“Existem muitos personagens em potencial que estão naquela lista de filmes a serem produzidos, mas eu nunca havia escutado o rumor de que o Demolidor poderia aparecer no filme da Viúva Negra”, disse Kevin Feige.

Por mais que os fãs desejem ver os personagens das séries da Netlflix se unindo com os Vingadores nos cinemas, esse não parece ser um pedido que a Marvel está disposta a atender.

Fonte: CB

 

Netflix | Filmes que estreiam em julho

Uma das paixões geeks é o cinema. A Netflix possui diversos filmes, divido em várias subcategorias. Pensando nisso, O Cubo fez uma lista com os filmes que chegam na Netflix em julho. Nessa lista contém títulos que irão prender sua atenção e garantir seu entretenimento.

Duck Butter (1º de julho)

Duck Butter
Imagem de divulgação

Desiludidas com a falta de honestidade nas relações, duas mulheres decidem passar 24 horas juntas para explorar novas formas de intimidade.

Meu Passado Me Condena (5 de julho)

Meu Passado Me Condena - Filme
Imagem de divulgação

Fábio e Miá fazem um cruzeiro do Rio de Janeiro até a Europa de lua de mel, onde ela reencontra seu ex-namorado Beto, que está casado com Laura, antiga paixão de Fábio. Atrapalhados com essa coincidência, o casal vive situações cômicas e embaraçosas.

Minha Primeira Caçada (6 de julho)

Minha Primeira Caçada - Filme
Cena do filme “Minha Primeira Caçada”

Ele quer se aproximar do filho e o convida a caçar. Mas será que vai adiantar forçar a barra? Uma relação se constrói dia a dia, mas tem gente que precisa aprender isso.

Uma Repórter Em Apuros (10 de julho)

Uma Repórter Em Apuros - Filme
Imagem de divulgação

A jornalista Kim Baker decide largar o relativo conforto de uma mesa na redação e a mesmice de um relacionamento sério. Ela aceita passar três meses como correspondente no Afeganistão, um país devastado pela guerra. Logo após chegar, Kim percebe que não está emocionalmente preparada para os perigos da guerra, mas acaba ficando mais tempo do que o planejado. Apesar dos desafios que enfrenta em uma sociedade que menospreza as mulheres, Kim usa isso para conseguir algumas vantagens.

Próxima Parada: Apocalipse (13 de julho)

Próxima Parada Apocalipse - Filme
Imagem do filme “Próxima Parada: Apocalipse”

Quando uma misteriosa catástrofe transforma os Estados Unidos em uma zona de guerra, um homem decide cruzar o país com seu futuro sogro em busca da noiva grávida.

Vizinhos 2 (14 de julho)

Vizinhos 2 - Filme
Imagem de divulgação

Quando Mac e Kelly decidem vender a casa e mudar-se para o subúrbio, uma fraternidade nova e barulhenta chega à vizinhança. Para trazer a paz de volta, eles convocam sua arma secreta: Teddy.

Warcraft – O Primeiro Encontro De Dois Mundos (14 de julho)

Warcraft – O Primeiro Encontro De Dois Mundos - Filme
Imagem de divulgação

Em busca de uma nova terra para viver, os guerreiros Orc atravessam um portal e chegam até Azeroth, uma região pacífica que vira um campo de batalha pela sobrevivência de dois povos.

Extinção (27 de julho)

Extinção
Imagem de divulgação

tormentado por sonhos de uma invasão alienígena, um homem de família enfrenta seu pior pesadelo quando uma força extraterrestre começa a exterminar os habitantes da Terra.

Pixels (27 de julho)

Pixels
Imagem de divulgação

Uma raça alienígena cria monstros inspirados em videogames da década de 1980 para conquistar a Terra, e cinco especialistas em jogos da época são convocados para combater o plano dos extraterrestres e salvar o planeta.


Leia mais Notícias em ocuboblog.com e nos sigam nas redes sociais: Facebook, Twitter e Instagram. Colabore com mais informações nos enviando através do telefone e whatsapp (98) 98506-2064

Para O Cubo crescer, vamos precisar da sua ajuda. Seja patrão do blog dando um pequeno patrocínio.

https://www.catarse.me/ocubo?ref=project_link


Digite seu e-mail para assinar as notificações deste site

Junte-se a 1.389 outros assinantes

 

6 Filmes de terror pra se cagar de medo (invasão domiciliar)

Uma das paixões do brasileiro é o cinema. Todo ano as salas de cinema do Brasil lotam, mas sempre existem aqueles filmes que todos esperam ver nas telonas do cinema. Pensando nisso, O Cubo fez uma lista com os 6 Filmes de terror pra se cagar de medo (invasão domiciliar).

Temos vagas (2007), de Nimrod Antal

Temos vagas (2007), de Nimrod Antal
Imagem de divulgação

Quando o carro de David e Amy quebra, eles não têm outra opção a não ser passar a noite em um motel barato. O casal se diverte assistindo um filme de terror até que eles descobrem que estão exatamente no quarto onde as cenas aconteceram. Com câmeras escondidas captando seus movimentos, David e Amy precisam encontrar um jeito de sair do hotel para não virar as estrelas do próximo filme.

O Homem nas Trevas(2016), de Fede Alvarez

O Homem nas Trevas(2016), de Fede Alvarez
Imagem de divulgação

Rocky, Alex e Money são ladrões que ganham dinheiro invadindo casas de pessoas ricas em Detroit. Money fica sabendo sobre um veterano de guerra cego que ganhou muito dinheiro pela morte de sua única filha. Pensando ser um alvo fácil, o trio invade a casa isolada do homem em uma vizinhança abandonada. Após se verem presos lá dentro, os jovens invasores têm que lutar por suas vidas ao descobrirem que a vítima não é nada inofensiva.

Hush: A Morte Ouve (2016), de Mike Flanagan

Hush A Morte Ouve (2016), de Mike Flanagan
Imagem de divulgação

A escritora Maddie Toung vive uma vida isolada desde que perdeu sua audição quando era adolescente, se colando em um mundo de total silêncio. Porém, quando um rosto mascarado de um assassino psicótico aparece em sua janela, Maddie precisa ir além dos seus limites físicos e mentais para conseguir sobreviver.

Horas do Medo (2010), de Miguel Ángel Vivas

Horas do Medo (2010), de Miguel Ángel Vivas
Imagem de divulgação

Jaime (Fernando Cayo) se muda para uma luxuosa casa nova junto com sua esposa Marta (Ana Wagener) e sua filha Isa (Manuela Vellés). Marta começa a preparar o jantar e coloca uma garrafa de champanhe no gelo para que eles celebrem a mudança. Porém, quando a noite chega, três homens mascarados forçam violentamente sua entrada da casa. Primeiro o pânico domina o local e depois a violência real tem início.

O Colecionador de Corpos (2009), de Marcus Dunstan

O Colecionador de Corpos (2009), de Marcus Dunstan
Imagem de divulgação

Um ex-presidiário precisa quitar uma dívida antes da meia-noite e, como ele não tem o dinheiro, ele resolve assaltar a casa do seu patrão. Ao tentar abrir o cofre, ele descobre que um assassino em série está na casa aterrorizando a família e percebe que ele é a única esperança que a família tem de se salvar.

A Invasora (2007), de Alexandre Bustillo e Julien Maury

A Invasora (2007), de Alexandre Bustillo e Julien Maury
Imagem de divulgação

Sarah (Alysson Paradis) e Matthieu Scarangelo (Jean-Baptiste Tabourin) sofrem um acidente de carro quatro meses antes do fim do ano. Apenas Sarah, grávida, sobrevive. Na véspera de Natal, ela fica em casa sozinha, onde se prepara para o parto, que está previsto para o dia seguinte. Porém, a viúva é atormenta por uma mulher que deseja ter o bebê de Sarah a qualquer custo.


Leia mais Notícias em ocuboblog.com e nos sigam nas redes sociais: Facebook, Twitter e Instagram. Colabore com mais informações nos enviando através do telefone e Whatsapp (98) 98506-2064

Para O Cubo crescer, vamos precisar da sua ajuda. Seja patrão do blog dando um pequeno patrocínio.

https://www.catarse.me/ocubo?ref=project_link


Digite seu e-mail para assinar as notificações deste site

Junte-se a 1.389 outros assinantes