Arquivo da tag: UEMA

Aluno da UEMA que descobriu duas novas espécies de moscas amazônicas é aprovado em seletivos de doutorado do Pará

Raimundo Francisco Oliveira Nascimento, egresso do Centro de Ciências de Codó do curso de Ciências Biológicas e mestre em Zootecnia pela Universidade Federal do Pará, teve uma nova aprovação na UFPA, desta vez nos seletivos do Doutorado em Zoologia e do Doutorado em Biodiversidade e Evolução do Museu Emílio Goeldi.

Anúncios

Durante o seu mestrado, Raimundo foi responsável pela descoberta de duas novas espécies de moscas encontradas na Amazônia paraense que apresentam importância sanitária, com uso potencial para entomologia forense, inclusive tendo um artigo sobre o estudo publicado na Revista Oxford pela Entomological Society of America.

Nascimento revelou que visa expandir mais a sua área de estudo na Amazônia, o foco do programa de pós-graduação do Doutorado do Museu Emilio Goeldi, curso stricto sensu, que é sua primeira opção, conforme revelou. Ele conta que está animado e pretende dar continuidade à sua pesquisa, firmando parcerias com pesquisadores brasileiros e de outros países para contribuir com a ciência brasileira.

Anúncios

“Farei uma análise filogenética de um gênero dessas moscas, ou seja, vou fazer o sequencialmento de DNA delas, para ver o nível de parentesco entre elas. Também pretendo descrever novas espécies, tendo em vista que vou fazer coletas em outras áreas da Amazônia brasileira”, explicou.

Ele ressaltou que, mesmo com as dificuldades cotidianas, nunca pensou em desistir. “Muitas pessoas acham que sou inteligente, mas não é apenas isso, me considero esforçado. Com essa conquista, mostro que filho de pobre, trabalhador da roça, vendedor, pode, sim, ser o que quiser, desde que trabalhe, se esforce e sempre faça mais do que esperam de você. Olhando para o histórico da minha família, vencer, para mim, é questão de honra, tendo em vista que eu sou o único da minha família – falo de toda a família, incluindo a família de meus pais – a se formar e ser, no futuro, um doutor”, afirmou.

Anúncios

Saiba mais

Archisepsis bosque e Archisepsis verae são duas espécies descobertas por Raimundo Nascimento em sua pesquisa de mestrado. Os insetos são pertencentes a uma pequena família de dípteros acaliptrados, com 385 espécies descritas em 38 gêneros. A primeira foi nomeada em homenagem à pesquisadora da Universidade estadual Paulista, pelas contribuições taxonômicas na região neotropical (Dra. Vera Silva). A segunda foi nomeada em homenagem ao Parque Zoobotânico Bosque Rodrigues Alves, em Belém, local onde ela foi coletada.

Leia mais notícias em ocuboblog.com e nos sigam nas redes sociais: Facebook, Twitter, Telegram, Instagram e Tiktok. Colabore com mais informações nos enviando através do telefone e whatsapp/telegram (98) 98506-2064 ou pelo e-mail ocuboblog@gmail.com

Ou mande qualquer quantia pelo PIX para ocuboblog@gmail.com

Campus Santa Inês realiza roda de conversa sobre interculturalidade na saúde indígena

O Campus Santa Inês da Universidade Estadual do Maranhão realiza, dia 13 de junho, roda de conversa sobre “Interculturalidade na Saúde Indígena: diálogos entre pajés e universitários”. O objetivo é promover o diálogo intercultural na saúde indígena.

Anúncios

O momento é um desdobramento do convênio realizado entre o Campus Santa Inês e o Instituto Sociedade, População e Natureza (ISPN), que dentre outras atividades visa a Formação e Aperfeiçoamento Intercultural de profissionais que trabalham nas Terras Indígenas Caru e Rio Pindaré e Componente Awá Guajá da Terra indígena Caru.

A Roda de conversa, sob a coordenação da professora Ednalva Lima, integra as ações do subprograma Saúde do Plano Básico Ambiental do Componente Indígena Guajajara, desenvolvido a partir do Convênio UEMA /Campus Santa Inês e ISPN e conta também com as parcerias da VALE, FUNAI, IBAMA e o DSEI – Distrito sanitário Saúde Indígena.

Anúncios

Das atividades do plano básico ambiental acontecerá no campus Santa Inês, de 13 a 15 de junho, com a temática “Saúde e Meio Ambiente” o curso de Aperfeiçoamento Intercultural para Agentes Indígenas de Saúde e Agentes Indígenas de Saneamento Básico norteados por três eixos: (1) Território, Sustentabilidade, Meio Ambiente e Saúde, (2) Saneamento e Saúde, (3) Educação em Saúde Ambiental e Mobilização Social.

Leia mais notícias em ocuboblog.com e nos sigam nas redes sociais: Facebook, Twitter, Telegram, Instagram e Tiktok. Colabore com mais informações nos enviando através do telefone e whatsapp/telegram (98) 98506-2064 ou pelo e-mail ocuboblog@gmail.com

Ou mande qualquer quantia pelo PIX para ocuboblog@gmail.com

Porto do Itaqui firma parceria com UEMA

Na tarde desta quarta-feira (31), o presidente da Empresa Maranhense de Administração Portuária (EMAP), Ted Lago, e o reitor da Universidade Estadual do Maranhão (UEMA), Gustavo Pereira da Costa, assinaram um acordo de cooperação, válido por dois anos, com o objetivo de atuar em conjunto no desenvolvimento de programas, projetos e atividades nos campos de interesse das duas instituições.

Anúncios

A cerimônia de formalização foi realizada na Reitoria da UEMA, com a presença de equipes técnicas das duas instituições, dentre as quais o diretor de Planejamento da EMAP, Marcelo Coelho, e o vice-reitor da UEMA, Walter Canales Sant’ana.

“Este é um passo importante em um momento em que o Porto do Itaqui tem consolidada a sua importância para o desenvolvimento do Maranhão. O que o porto público do Maranhão tem em logística, nós queremos construir em pesquisa e conhecimento científico. Investir na ciência nos dá a confiança de que o futuro está sendo bem encaminhado”, afirmou Ted Lago.

O reitor da UEMA destacou o círculo virtuoso do Porto do Itaqui de 2015 para cá e seu papel estratégico para o fortalecimento do estado. “Esse acordo traduz um chamamento bilateral de comprometimento, de que é nessa direção que queremos trilhar, indo além da cidade de São Luís e ocupando todo o Maranhão. O horizonte que abrimos com essa parceria é largo”, disse Gustavo Pereira da Costa. 

Anúncios

De acordo com o documento, a parceria entre a EMAP e a UEMA visa fortalecer os Princípios do Pacto Global das Nações Unidas sobre Direitos que estão alinhados às atividades portuárias e área de influência do Itaqui; as ações de responsabilidade socioambiental da EMAP, contribuindo para o desenvolvimento sustentável local; e também as ações de educação socioambiental e responsabilidade social corporativa desenvolvidas pela EMAP na área Itaqui Bacanga, prioritariamente no que se refere ao gerenciamento e redução dos impactos do descarte indevido de resíduos sólidos.

Nesse sentido, as duas instituições têm tarefas definidas nesse programa de cooperação. À EMAP caberá apoiar cursos, ações e projetos da UEMA que promovam a área portuária e socioambiental, disponibilizando as instalações do Porto do Itaqui para visitas técnicas virtuais e/ou presenciais, bem como técnicos do seu quadro funcional para ministrar palestras e atuar como facilitadores dos processos de ensino e aprendizagem. Também deve apoiar estudos conjuntos de pesquisa e serviços de extensão, assim como programas e plano de estudos, seminários, oficinas, palestras ou simpósios e incentivar os estudos de graduação, pós-graduação e extensão dentro do escopo definido pelas partes.

Anúncios

A UEMA deve garantir, em sua programação anual, a participação de estudantes e profissionais nas iniciativas promovidas pela EMAP que visem desenvolver os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável; disponibilizar profissionais e/ou estudantes para atuarem como parceiros na implantação e implementação de ações de educação socioambiental e incentivo à economia local a serem desenvolvidos pela EMAP, e receber na UEMA visitas de estudantes de escolas públicas e organizações sociais de comunidades próximas ao Porto do Itaqui e terminais externos para divulgar as atividades da universidade.

Leia mais notícias em ocuboblog.com e nos sigam nas redes sociais: Facebook, Twitter, Telegram, Instagram e Tiktok. Colabore com mais informações nos enviando através do telefone e whatsapp/telegram (98) 98506-2064 ou pelo e-mail ocuboblog@gmail.com

Ou mande qualquer quantia pelo PIX para ocuboblog@gmail.com

Simulado PAES/UEMA 2022 acontece neste sábado (7)

O Simulado Online PAES 2022, realizado Secretaria de Estado da Educação (Seduc), será realizado neste sábado (7), por meio da Plataforma Gonçalves Dias. O simulado é uma oportunidade para que os candidatos inscritos para o vestibular possam testar seus conhecimentos e fazer uma autoavaliação das aprendizagens construídas, além de diagnosticar os conteúdos que ainda precisam de um aprofundamento para alcançar sucesso no vestibular.

Anúncios

O simulado iniciará às 13h e ficará disponível até às 17h. Ao todo, os estudantes deverão responder 60 questões abrangendo os conteúdos exigidos no Programa de Acesso à Educação Superior (PAES), da Universidade Estadual do Maranhão (UEMA), nas áreas de Linguagens: Língua Portuguesa, Literatura e Língua estrangeira (Espanhol ou Inglês); Humanas: Filosofia, Geografia, História e Sociologia; Matemática; e Ciências da Natureza: Biologia, Física, Matemática e Química, todos conteúdos programáticos relacionadas no Edital do PAES 2022.

Para participar do simulado, o estudante deverá acessar o link https://www.educacao.ma.gov.br/simulado-online-paes-2022/, que está disponível no site e nas redes sociais oficiais da Seduc e da Plataforma Gonçalves Dias, e escolher a opção de Língua Estrangeira (Inglês ou Espanhol). Pode participar qualquer pessoa que esteja interessada em testar seus conhecimentos.

No início do Simulado, os participantes devem informar um e-mail válido para receber o resultado de desempenho, previsto para ser divulgado no domingo (8). 

Anúncios

No dia 21 (sábado), véspera do vestibular, a Plataforma Gonçalves Dias apresentará um programa especial. Os professores da rede farão a correção comentada das questões do simulado, além da análise das duas obras literárias de leitura exigida pela UEMA: A escrava, de Maria Firmina dos Reis, e Canaã, de Graça Aranha.

Leia mais notícias em ocuboblog.com e nos sigam nas redes sociais: Facebook, Twitter, Telegram, Instagram e Tiktok. Colabore com mais informações nos enviando através do telefone e whatsapp/telegram (98) 98506-2064 ou pelo e-mail ocuboblog@gmail.com

Ou mande qualquer quantia pelo PIX para ocuboblog@gmail.com

UEMA é classificada em ranking mundial de universidades com impacto sustentável

A Universidade Estadual do Maranhão participou pela primeira vez do Impact Rankings, elaborado pela Times Higher Education (THE), se estabelecendo na faixa de 1001 melhores universidades entre as 1406 instituições de ensino analisadas no mundo. De 48 universidades brasileiras, a Instituição está em 42º lugar, sendo a única do Maranhão a participar do ranking.

Anúncios

A THE é uma instituição britânica especializada em educação e o intuito do ranking é analisar quais universidades e instituições de ensino do mundo estão em consonância com os 17 Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) da Organização das Nações Unidas.

Em 2022, a UEMA participou do ranking com cinco ODS, apresentando melhor desempenho no ODS 2 (Rank mundial 101-200, Score de 56,1): Objetivo 1: Erradicar a Pobreza; Objetivo 2: Fome Zero e Agricultura Sustentável; Objetivo 6: Água Potável e Saneamento; Objetivo 12: Consumo e Produção Responsáveis; Objetivo 17: Parcerias e Meios de Implementação.

Anúncios

“A presença da UEMA no ranking demonstra duas coisas: o compromisso da nossa instituição com os objetivos do desenvolvimento sustentável e a escolha estratégica pela internacionalização. São princípios sobre os quais montamos a agenda institucional, materializada no PDI UEMA 2021-2025. Queremos ser uma instituição forte acadêmica e socialmente, reconhecida além dos limites do MA e parte da rede mundial de conhecimento”, disse o reitor Gustavo Costa.

De acordo com Ariadne Rocha, da Assessoria Especializada na Articulação dos ODS na Universidade, “a UEMA reafirma em suas políticas institucionais o compromisso com a formação cidadã e com o desenvolvimento sustentável, alinhando ensino, extensão, pesquisa e gestão ao Plano de Desenvolvimento Institucional em consonância com os Objetivos de Desenvolvimento Sustentáveis e realidade maranhense”.

Anúncios

A classificação completa com todas as instituições pode ser acessada no site: https://www.timeshighereducation.com/rankings/impact/2022/overall.

Leia mais notícias em ocuboblog.com e nos sigam nas redes sociais: Facebook, Twitter, Telegram, Instagram e Tiktok. Colabore com mais informações nos enviando através do telefone e whatsapp/telegram (98) 98506-2064 ou pelo e-mail ocuboblog@gmail.com

Ou mande qualquer quantia pelo PIX para ocuboblog@gmail.com

Estudo do PPGBAS/UEMA identifica áreas de risco de acidentes ofídicos no Maranhão e aponta áreas descobertas pelos polos de soro no estado

O Programa de Pós-graduação em Biodiversidade, Ambiente e Saúde do Campus Caxias da Universidade Estadual do Maranhão – PPGBAS/UEMA tem artigo publicado na Revista Toxicon. O artigo mostra estudo, que identifica áreas de risco de acidentes ofídicos no Maranhão e aponta áreas descobertas pelos polos de soro no estado. Liderado pela mestranda do PPGBAS/UEMA Sâmia Araújo com co-autoria da Karoline Ceron da Unicamp e orientação da Profa. Dra. Thaís Guedes (pesquisadora Sênior do PPGBAS/UEMA).

Anúncios

Foram identificadas 17 espécies de serpentes peçonhentas de importância médica, com a maioria dos registros concentrada na Amazônia, porção oeste do estado. Com aplicação de dados de distribuição geográfica de serpentes peçonhentas, modelagem de distribuição de espécies (SDM), organização espacial de acidentes ofídicos e informações sobre densidade populacional humana foram identificadas também as áreas de risco de acidentes ofídicos no Maranhão.

“Nossas análises demonstraram que número de acidentes ofídicos foi positivamente correlacionado com a interação entre áreas de alto risco (ou seja, maior distribuição de cobras venenosas) e densidade populacional humana”, disse a professora Thaís Guedes.

Anúncios
Anúncios

Ela, ainda, complementou: “O mapa generalizado de risco de acidente ofídico (Viperidae+Elapidae) mostrou claramente que a população de áreas de maior risco de envenenamento está desatendida e ainda mais vulnerável pela escassez de postos de saúde habilitados para o atendimento de acidentes ofídicos. Sugerimos alocar unidades de saúde com soros antiofídicos para tratar vítimas na região oeste. A educação da comunidade e distribuição equilibrada de unidades de saúde em áreas de maior risco de acidentes ofídicos reduz o número de acidentes, mortes e incapacidades causadas por acidentes ofídicos. Nosso estudo contribui diretamente para o tema Doenças Tropicais Negligenciadas da Organização Mundial da Saúde”.

Veja publicação AQUI.

Mais informações pelo e-mail thaisbguedes@yahoo.com.br.

Leia mais notícias em ocuboblog.com e nos sigam nas redes sociais: Facebook, Twitter, Telegram, Instagram e Tiktok. Colabore com mais informações nos enviando através do telefone e whatsapp/telegram (98) 98506-2064 ou pelo e-mail ocuboblog@gmail.com

Ou mande qualquer quantia pelo PIX para ocuboblog@gmail.com

UEMA oferecerá cursos de Libras, Formação de Ledores e Trasncritores e Transtorno do Espectro Autista – Inclusão da Fonoaudiologia

A Universidade Estadual do Maranhão, por meio do Núcleo de Acessibilidade (NAU) oferecerá os cursos de Língua Brasileira de Sinais – Libras Básico;  Língua Brasileira de Sinais – Libras Intermediário;  Língua Brasileira de Sinais – Libras Avançado; Formação de Ledores e Trasncritores; Trabalhando as Emoções e Compreendendo Sentimentos e Transtorno do Espectro Autista – Inclusão da Fonoaudiologia.

Anúncios

As inscrições estarão abertas a partir do dia 02 de maio de 2022 ao dia 05 de maio de 2022 e deverão ser realizadas através do endereço eletrônico: https://forms.gle/SwuRovHGg46Xwv3o9 

EDITAL dos cursos está disponível aqui

Cronograma dos Cursos 

Língua Brasileira de Sinais – Libras Básico
Período do Curso: 16/05/2022 a 06/07/2022
Duração do Curso: 60 horas
N° de vagas: 40
Aulas: segunda-feira e quarta-feira (08:30h às 11:50h)
Local do Curso: Prédio do Curso de Matemática
Valor da taxa única de matrícula: R$ 150,00 

Anúncios

Língua Brasileira de Sinais – Libras Intermediário
Período do Curso: 16/05/2022 a 06/07/2022
Duração do Curso: 60 horas
N° de vagas: 40
Aulas: segunda-feira e quarta-feira (14:00h às 17:20h)
Local do Curso: Prédio do Curso de Geografia
Valor da taxa única de matrícula: R$ 150,00 

Língua Brasileira de Sinais – Libras Avançado
Período do Curso: 17/05/2022 a 07/07/2022
Duração do Curso: 60 horas
N° de vagas: 40
Aulas: terça-feira e quinta-feira (14:00h às 17:20h)
Local do Curso: Prédio do Curso de Geografia
Valor da taxa única de matrícula: R$ 150,00 

Anúncios

Formação de Ledores e Transcritores
Período do Curso: 16/05/2022 a 20/06/2022
Duração do Curso: 40 horas
N° de vagas: 30
Aulas: segunda-feira e quarta-feira (14:00h às 17:20h)
Local do Curso: Prédio do Curso de Geografia
Valor da taxa única de matrícula: R$ 80,00 

Trabalhando as Emoções e Compreendendo Sentimentos
Período do Curso: 17/05/2022 a 21/06/2022
Duração do Curso: 30 horas
N° de vagas: 30
Aulas: terça-feira e quinta-feira (14:00h às 16:30h)
Local do Curso: Prédio do Curso de Geografia
Valor da taxa única de matrícula: R$ 60,00 

Transtorno do Espectro Autista – Inclusão da Fonoaudiologia
Período do Curso: 17/05/2022 a 21/06/2022
Duração do Curso: 20 horas
N° de vagas: 30
Aulas: terça-feira e quinta-feira (08:30h às 10:10h)
Local do Curso: Prédio do Curso de Matemática
Valor da taxa única de matrícula: R$ 40,00 

Leia mais notícias em ocuboblog.com e nos sigam nas redes sociais: Facebook, Twitter, Telegram, Instagram e Tiktok. Colabore com mais informações nos enviando através do telefone e whatsapp/telegram (98) 98506-2064 ou pelo e-mail ocuboblog@gmail.com

Ou mande qualquer quantia pelo PIX para ocuboblog@gmail.com

Novo prazo para submissão de capítulos do e-book O Programa de Residência Pedagógica da UEMA e a Formação de Professores

As inscrições da Chamada Interna para submissão de capítulos do e-book  “O Programa de Residência Pedagógica da UEMA e a Formação de Professores: primeiras experiências, publicação institucional, de autoria corporativa” reabrem hoje(18).

Anúncios

Podem se inscrever docentes efetivos ou substitutos da UEMA que participaram como orientadores do Programa de Residência Pedagógica 2018/2019, com coautoria de residentes e preceptores bolsistas e/ou voluntários.

O prazo de inscrição encerra dia 25 de abril.

O resultado final está previsto para ser divulgado a partir do dia 20 de maio, no site www.prog.uema.br.

Anúncios

Acesse o edital aqui

Acesse a retificação do edital que altera os prazos de submissão aqui.

Por Débora Souza

Leia mais notícias em ocuboblog.com e nos sigam nas redes sociais: Facebook, Twitter, Telegram, Instagram e Tiktok. Colabore com mais informações nos enviando através do telefone e whatsapp/telegram (98) 98506-2064 ou pelo e-mail ocuboblog@gmail.com

Ou mande qualquer quantia pelo PIX para ocuboblog@gmail.com

Vídeo: Prédio da UEMA pega fogo em São Luís

O prédio do curso de engenharia da Universidade Estadual do Maranhão (UEMA) pegou fogo neste domingo (10), no Bairro do São Cristovão, em São Luís.

Anúncios

Conforme o comandante do Corpo de Bombeiro, Coronel Célio Roberto, não houve nenhum ferido no local.

Nas imagens, somente carteiras e mesas acabaram sendo consumidos pelo incêndio.

Leia mais notícias em ocuboblog.com e nos sigam nas redes sociais: Facebook, Twitter, Telegram, Instagram e Tiktok. Colabore com mais informações nos enviando através do telefone e whatsapp/telegram (98) 98506-2064 ou pelo e-mail ocuboblog@gmail.com

Ou mande qualquer quantia pelo PIX para ocuboblog@gmail.com

UFMA e UEMA vão exigir comprovante de vacinação para atividades presenciais

A UFMA poderá solicitar, a qualquer momento, o comprovante de vacinação de seus servidores, terceirizados ou discentes. Na UEMA, o documento será exigido para dispensar o uso de máscaras nos campi de municípios com menos de 70% da população vacinada.

Anúncios

Nessa quarta (30), a Universidade Federal do Maranhão (UFMA) anunciou que exigirá, para o retorno presencial das suas atividades acadêmicas e administrativas, no dia 11 de abril, a apresentação do comprovante de vacinação. A decisão foi publicada pela Secretaria dos Colegiados Superiores do Conselho Universitário (CONSUN).

As informações do ciclo vacinal contra a Covid-19 devem ser apresentadas, a partir do dia 6 de abril, no SIGRH (para docentes e técnicos) ou SIGAA (para discentes):

  • Ciclo vacinal completo (duas doses ou dose única) com a devida comprovação;
  • Ciclo vacinal incompleto (apenas uma dose) com a devida comprovação;
  • Impossibilitado de realizar a vacinação por orientação médica comprovando por meio de laudo médico; e
  • Não vacinado por opção pessoal.
Anúncios

O servidor ou discente que não informar o ciclo vacinal terá o acesso aos Sistemas da UFMA suspenso a partir de 11 de abril. A universidade também poderá solicitar, a qualquer momento, o comprovante de vacinação. Por isso, servidores, terceirizados e discentes deverão sempre portar as informações do seu ciclo vacinal.

Ainda de acordo com a resolução, todas as atividades presenciais na UFMA, seja em local aberto ou fechado, serão realizadas obrigatoriamente com o uso de máscaras e seguindo o protocolo de biossegurança de retorno das atividades presenciais. Leia mais informações sobre o retorno das aulas presenciais na UFMA na Resolução Nº 414.

UEMA

Anúncios

Membros da UEMA que não tiverem completado o ciclo de imunização contra o coronavírus devem permanecer dispensados de suas atividades presenciais, enquanto vigente a emergência de saúde.

Nos campi, polos e demais instalações da UEMA, nos municípios em que menos de 70% da população tenha recebido as duas doses ou dose única da vacina contra a Covid-19, o uso de máscaras faciais de proteção é obrigatório.

Mesmo nos municípios que não atendam esse requisito, o uso de máscaras faciais de proteção é dispensado, desde que seja apresentado o comprovante vacinal, conforme normas internas da UEMA.

A gestante ou membro da comunidade universitária, que, por opção individual, não tenha se vacinado contra o coronavírus, deverá retornar às suas atividades presenciais, desde que não tenha testado positivo para a Covid-19 e/ou não apresente sintomas semelhantes aos que indicam contaminação.

Anúncios

Caso não tenha se vacinado em virtude de condições de saúde, esse público será dispensado da atividade presencial, desde que apresente parecer médico no qual conste que suas condições de saúde não recomendam a vacinação contra a Covid-19, não impedindo a adoção do regime de trabalho remoto, ou exercício domiciliar.

Confira o documento completo com as medidas de biossegurança para retorno de atividades presenciais na UEMA aqui.

Por G1.

Leia mais notícias em ocuboblog.com e nos sigam nas redes sociais: Facebook, Twitter, Telegram, Instagram e Tiktok. Colabore com mais informações nos enviando através do telefone e whatsapp/telegram (98) 98506-2064 ou pelo e-mail ocuboblog@gmail.com

Ou mande qualquer quantia pelo PIX para ocuboblog@gmail.com